Paxolino dos adoradores de Cristo nas terras da cafraria

Na época em que os navegadores portugueses conquistaram boa parte do mundo, desembarcaram na costa da terra, depois chamada Brasil, e se depararam com um universo para eles incompreensível. Entre esses navegadores estava o capitão Matias Souto Maior, único entre seus iguais, que ao deparar-se com prodígios incomuns, mesmo para aquelas terras selvagens, resolveu seguir adiante, acompanhado por uma tribo de índios brutos, assustados com a aparição de um menino de pele escura, pássaros de luz, monstruosidades gentis e um bêbado, que pareciam oriundos de outros tempos.

Os bugres acreditavam que aqueles homens barbudos e fedidos talvez pudessem salvá-los da calamidade que se abatia sobre a terra e o capitão Matias e os seus marujos acreditavam que estes poderiam guiá-los para o país dos pássaros de luz que excretavam ouro.
Partiram, então, com o fito de por termo ao desconcerto do mundo, mas acabaram por se perderem em um espaço feérico em que todos os tempos e todos os lugares se confundiam para desespero do jesuíta que os acompanhava, o padre Jerônimo Cadena, que a um minuto da loucura passou a acreditar que tudo aquilo, todo aquele mundo em desmazelo não passava de uma armadilha do demônio, o macaco de Deus, a confundir os homens naquelas terras da cafraria.

Porém, nenhum deles estava certo, pois a certeza não tinha lugar naquelas terras e a normalidade havia sido banida do mundo, pois o bizarro era a ração de cada dia naquele estranho universo, cujas leis extravagantes confundiam as mentes e a memória de todos aqueles envolvidos na estranha peregrinação rumo ao inexplicável.

Sobre o autor

Carmelo Ribeiro é professor graduado em História e Mestre em Geografia. Publicou contos nas antologias “Moedas para o Barqueiro”, “Bandeira Negra” e “Espectra”.

Para comprar o livro e ler as primeiras páginas desta aventura, acesse http://www.editoraschoba.com.br/detalhe-livro.php?id=197.

… … …

http://a1.twimg.com/profile_images/437119069/foto_tiago_reasonably_small.jpg Tiago Castro é publicitário, agitador cultural, aspirante a escritor de literatura fantástica, o criador do Universo Insônia e com ideias elevadas à potência máxima!
No twitter @castrinho

 

Publicitário, estrategista de conteúdo, organizador do Concurso Hydra de Literatura Fantástica Brasileira e coorganizador dos eventos Fantasticon e Sarau Fantástico.

Twitter LinkedIn Google+ 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...